Marcia Twomey, Instituto de Tecnologia de Dublin

Marcia

Marcia Twomey, 39 anos

Origem: São Paulo

Estudando: Post Graduate Diploma in Management Studies in Business Studies, Instituto de Tecnologia de Dublin

Por que escolheu estudar na Irlanda?

Eu a principio fui para a Irlanda para buscar trabalho já que final dos anos 90 havia muitos empregos lá. Logo eu percebi que seria vantajoso obter um diploma de uma universidade na Irlanda para eu progredir na minha carreira e poder encontrar empregos melhores tanto na Irlanda como no Reino Unido ou no Brasil. Em geral as universidades irlandesas são bem conceituadas.

O que você mais gosta na escola?

Eu diria a biblioteca, era muito bem organizada, tinha grande quantidade de livros, computadores, e outras facilidades como fotocopia e impressoras. A atmosfera era muito positiva, o local limpo e o prédio bem localizado, fácil de chegar de ônibus ou estacionar o carro.

Do que mais você gostou em Dublin?

Eu poderia dizer tantas coisas já que Dublim é uma cidade ótima. Eu diria que eu gostei do fato de ser uma cidade cosmopolitana sem ser imensa.  Uma cidade segura, de bom tamanho.

Quais as principais dificuldades em estudar no exterior?

Creio que nunca é fácil ser um estrangeiro, o pessoal te olha com aquela cara de ‘eu sei que você não é daqui’, você sempre se sente um peixe fora d’água. O pessoal local não te deixa esquecer que você não é originalmente dali. Também o fato da tua família não estar perto as vezes pesa
nas emoções, tipo na Pascoa, Carnaval, dá saudades, não tem jeito.

Você sentiu algum tipo de “choque cultural” quando chegou? Foi difícil se adaptar a um novo estilo de vida?

Sim, sem querer estereotipar, mas digamos que em geral o consumo de álcool na Irlanda é diferente do Brasil, você contar a um colega que você ficou muito bêbado é normal. Eles até tem maneiras diferentes de dizê-lo.

Não foi difícil me adaptar, creio que a melhor maneira é fazer amizade com pessoas parecidas com você, mas ao mesmo tempo deixar a porta aberta para conhecer novas maneiras de pensar e agir.

O fato do clima ser tão mais frio do que o Brasil também molda o estilo de vida. Me lembro quando eu cheguei uma das primeiras frases que me disseram foi ‘pode guardar esses óculos escuros, você chegou na Irlanda’.

Você teria alguma dica de como economizar dinheiro durante um estudo no exterior?

Na Irlanda existem lojas que tem o preço muito bom, pergunte aos irlandeses e eles já te darão a lista. Há também varias lojas de caridade (charity shops) que são lojas que vendem coisas doadas e todo o dinheiro arrecadado vai para os pobres. Elas são boas para comprar casacos para o inverno, livros, sapatos, e coisarada em geral.